Centro do Bebé: perguntas e respostas!

posted in: Uncategorized | 0

 

bebeplay

Desde que abrimos portas em Março deste ano que nos têm chegado muitas questões.Algumas têm a ver com curiosidade sobre os nossos serviços, outras são dirigidas a membros da nossa equipa, outras são simples desabafos.Como entendemos que nenhuma pergunta deve ficar sem resposta.. aqui vão as nossas!

O Centro do Bebé é exclusivo a grávidas ou recém-pais?

A resposta é não. Naturalmente, e como o próprio nome indica, este é um Centro focado no apoio à parentalidade, desde a gravidez aos primeiros anos com o bebé. No entanto, a nossa missão não se esgota aí. Acreditamos na importância do bem-estar a todos os níveis para uma vida vivida em pleno e por isso dispomos de serviços para além dos estritamente relacionados com a parentalidade. Psicologia Clínica, Naturopatia, workshops de Mindfulness e o nosso Programa Pré-Concepcional de Apoio Natural à Fertilidade são apenas alguns exemplos.

A minha avó teve 5 filhos e nunca precisou de curso nenhum para os saber criar. Não será uma moda hoje em dia?

Esta é uma questão muito interessante. A primeira resposta é que não é necessário fazer curso nenhum para se ser um bom pai ou uma boa mãe. Aliás não é um curso, por si só, que vai transformar-vos em pais! É um percurso interior e individual do casal, em que criam aos poucos a família que faz sentido para si mesmos. O que os nossos cursos, e outros formatos de apoio de que dispomos, podem fazer pelas famílias é levantar questões e ajudar a encontrar as respostas que fazem sentido para cada família. Não acreditamos que dizer exactamente tudo o que se deve fazer é a resposta. Não acreditamos em “manuais de instruções”.

Mas sabemos que a parentalidade, logo desde a própria gravidez, envolve escolhas e decisões e que, quanto mais informadas e apoiadas estas forem, mais tranquilos, conscientes e seguros estarão os pais. Há não muitos anos atrás, as famílias tinham mais filhos e viviam menos isoladas. Hoje esta rede de suporte directo está mais frágil. Por isso existimos: para ser um suporte que permita ao casal viver a parentalidade menos isolados e com mais confiança. Os avós têm naturalmente um papel importantíssimo na rede de suporte do casal e muitas das nossas actividades são também a pensar neles.

 

Porque chamam “Fada dos Bebés” à Constança?

Durante muito tempo resisti a aceitar a designação de “Terapeuta de Bebés”. Acho que há já um excesso de “especialistas” em todos os assuntos relacionados com a parentalidade, deixando pouco espaço para que os pais se assumam como os verdadeiros responsáveis e decisores nas vidas dos seus próprios filhos, procurando orientação quando sentem necessário para tomar decisões verdadeiramente informadas, e não em substituição das suas próprias decisões parentais.

Há já alguns anos, uma mãe começou a chamar-me “Fada dos Bebés” e a designação começou a correr no Facebook entre as mães que eu acompanhava na altura. Quase misteriosamente começou a passar de boca em boca sem que eu soubesse muito bem como, ao ponto de recebermos chamadas para o Centro perguntando pela “Fada dos Bebés” 😉

Apesar de eu não fazer magia (a verdadeira magia é feita pelas mães, pais e bebés), tenho muito carinho por esta designação. Principalmente porque acho que, mais do que especialistas, terapeutas, manuais, imposições ou regras, o que todos nós precisamos é mesmo de mais magia nas nossas vidas! (respondido pela Constança)

Para quando o Centro do Bebé no Porto?

Esta é a pergunta mais frequente que nos colocam, desde que abrimos portas, o que para nós foi muito surpreendente!
Agradecendo desde já o carinho de todas as famílias do Norte, ainda não podemos contar tudo, mas até ao final do ano estamos a fazer tudo para que possamos ter novidades boas para o Porto!

 

Tem uma dúvida? Fale connosco!

Mais perguntas e respostas em breve!